Grace to You Resources
Grace to You - Resource

Hoje à noite vamos olhar novamente em Colossenses capítulo 1, uma parte muito importante da Escritura que me fala da personalidade mais importante do universo. Isto é, o Deus do céu revelado como o Filho. Esta é a própria pulsação do coração do cristianismo. Esta é a essência de tudo o que nós acreditamos, o próprio fundamento da nossa fé. Este é o campo de batalha sobre o qual nós lutamos com os cultos e os ismos e tudo o que pretende retirar do cristianismo sua própria força vital. Ou seja a questão da divindade do Senhor Jesus Cristo e que é tema de Paulo em Colossenses 1:15-19. Agora esta é uma passagem muito importante para o argumento do livro e uma passagem muito mais vital para o argumento em todo o cristianismo.

Alguém chamou uma vez - e tem sido repetido várias vezes - chamou a Bíblia do "Livro de Jesus.” Num certo sentido isso é verdade. Se você entender a Bíblia você entenderá que é o livro a respeito de Cristo o livro sobre o Senhor Jesus. No Antigo Testamento há a preparação para a vinda de Jesus. Nos evangelhos há a apresentação de Cristo; Ele está vindo. Nos Atos há a proclamação. A mensagem da salvação em Cristo é anunciada. Nas epístolas estudamos a personificação. Isto é "Porque para mim o viver é Cristo" ou como Cristo que morreu e ressuscitou dentre os mortos volta a viver em Seu povo. Em Apocalipse há a predominância ou o Cristo no trono, o reinado do Rei o Cordeiro no trono.

Assim em todos os sentidos a Bíblia é a história de Cristo. É o livro que nos diz tudo sobre Ele. Em Atos capítulo 8, que é indicado para nós, no versículo 35, quando Filipe conversava com o eunuco etíope na estrada para Gaza o Espírito Santo diz, "Filipe abrindo a sua boca e começando nesta Escritura anunciou-lhe a Jesus." É claro que ele estava começando no Antigo Testamento com o profeta Isaías.

Você pode começar em qualquer ponto na Escritura e ensinar Jesus. Em Lucas a conhecida passagem, capítulo 24:27, Cristo depois de Sua ressurreição atendendo aos discípulos na estrada de Emaús "E começando por Moisés" ou o Pentateuco " e todos os profetas" ou os livros proféticos "Ele explicou-lhes em todas as Escrituras" ou o Hagiographa os escritos sagrados, “as coisas concernentes a Ele mesmo”. O Antigo Testamento era para o judeu, e ainda é, dividido em três partes: Moisés, o Pentateuco; os profetas, todos os livros proféticos; e o Hagiographa ou as Escrituras ou os escritos sagrados que compõem os livros de poesia e história. Em todas essas coisas, Jesus, “Mostrou-lhes as coisas concernentes a Ele próprio.”

Assim a Bíblia é o livro a respeito de Cristo. É o livro sobre a revelação de Deus e a vinda de Cristo ao mundo. Trata-se de Deus tornando-se um homem. Em todos os aspectos da Bíblia, facetas disto são esclarecidas. Mas de todas as declarações na Bíblia, na Palavra de Deus a respeito de Deus tornando-se homem, nenhuma é mais importante do que aquela em Colossenses 1:15, pois aqui temos a identificação do Filho como Deus muito, muito claramente. Deixe-me ler para você. "O Filho" no versículo 13 é o antecedente da palavra "Este é" no versículo 15. "Este é a imagem do Deus invisível, o primogênito de toda a criação; pois, nele, foram criadas todas as coisas, nos céus e sobre a terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, sejam soberanias, quer principados, quer potestades. Tudo foi criado por meio dele e para ele. Ele é antes de todas as coisas. Nele, tudo subsiste. Ele é a cabeça do corpo, da igreja. Ele é o princípio, o primogênito de entre os mortos, para em todas as coisas ter a primazia, porque aprouve a Deus que, nele, residisse toda a plenitude.”

Agora, que é uma declaração tremenda, uma declaração vital para a compreensão da fé cristã e a remoção de toda a confusão sobre quem é o nosso Senhor Jesus Cristo, realmente é. Agora deixe-me colocá-lo em seu contexto, se me permitem, em termos do livro de Colossenses. Paulo entende que há um certo sistema de doutrina falsa que está sendo propagado em Colossos e ele entende isso porque Epafras o visitou. Epafras, sem dúvida um dos pastores da igreja de Colossos e talvez seu fundador, veio visitar o apóstolo Paulo.

O apóstolo Paulo ouve de Epafras que existem algumas coisas terríveis acontecendo em termos de propagação da heresia em Colossos. Uma tal heresia relacionada com a divindade de Jesus Cristo. Os hereges estão dizendo que Cristo não é Deus; que Ele não é suficiente para a salvação; que além de Cristo deve haver a adoração de outros espíritos talvez outros anjos se você quiser. Deve haver visões especiais. Deve haver um certo conhecimento de que há uma espécie de super-conhecimento além do que é possível em Cristo. Na verdade, os hereges haviam dito que Jesus Cristo era apenas um de uma longa linha de espíritos emanados descendente de Deus, e Jesus era uma daquelas boas emanações. Ele não era Deus. Ele não era nem mesmo um Salvador adequado. Um conhecimento além dEle é o único caminho para a salvação.

Assim, o ataque desta heresia em particular, que aparentemente mais tarde evoluiu para o que conhecemos como o gnosticismo, o ataque era na divindade de Cristo e Sua total suficiência como Salvador. Assim, nos três primeiros capítulos de Colossenses Paulo leva esta questão adiante. Por exemplo em Colossenses 1:27 "aos quais Deus quis dar a conhecer qual seja a riqueza da glória deste mistério entre os gentios, isto é, Cristo em vós, a esperança da glória; o qual nós anunciamos, advertindo a todo homem e ensinando a todo homem em toda a sabedoria, a fim de que apresentemos todo homem perfeito em Cristo”. O que Paulo está dizendo ali é que não precisa ser acrescentado nada além de Cristo para levar um homem à perfeição. Ele está argumentando contra a teologia destes hereges que estão dizendo "É Cristo mais conhecimento mais visões especiais além de anjos adorando, et cetera." Um homem pode ser perfeito em Cristo Jesus.

Capítulo 2, versículo 2, desenvolve o argumento de Paulo "para que o coração deles seja confortado e vinculado juntamente em amor, e eles tenham toda a riqueza da forte convicção do entendimento, para compreenderem plenamente o mistério de Deus, Cristo, em quem" não alguns não muitos mas" todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento estão ocultos.”

Mais uma vez a suficiência de Cristo. Não há nenhum conhecimento adicionado a Cristo necessário para a salvação. Veja o versículo 9 "Porquanto nele" e "nEle" modifica Cristo no versículo 8 "habita, corporalmente, toda" não alguns não muito mas "toda a plenitude da Divindade." Verso 19 "a cabeça" que é Cristo. "O corpo" versículo 17 é Cristo. Ou seja no sentido de cumprimento do Antigo Testamento sendo uma sombra do cumprimento de Cristo. Mas aqui a cabeça no versículo 19 é Cristo, “da qual todo o corpo, suprido e bem vinculado por suas juntas e ligamentos, cresce o crescimento que procede de Deus.”

Em outras palavras a cabeça de tudo é Cristo. Todo o crescimento e todos os nutrientes e todo o entrelaçamento e crescimento está relacionado a Cristo. Nenhum outro é necessária.

Capítulo 3, versículo 1, "Portanto, se fostes ressuscitados juntamente com Cristo" isto é, se você é um cristão "buscai as coisas lá do alto, onde Cristo vive, assentado à direita de Deus. Pensai nas coisas lá do alto, não nas que são aqui da terra, porque morrestes, e a vossa vida está oculta juntamente com Cristo, em Deus. Quando Cristo, que é a nossa vida" ou melhor, quando Cristo nossa vida "se manifestar." Tudo é Cristo. Nossa vida é Cristo. A nossa esperança é Cristo. Toda a sabedoria está em Cristo. Todo o conhecimento está em Cristo. Todo o crescimento está em Cristo. Toda a perfeição está em Cristo. Esse é todo o seu argumento. Nos três primeiros capítulos de Colossenses, ele está dizendo ao povo colossense "Por favor, não deixem ninguém fazer vocês pensarem que vocês precisam de Cristo mais alguns outros anjos mais alguns outro super-conhecimento mais algumas outras visões. Tudo que vocês precisam é Cristo. Isso é tudo que vocês precisam.”

O versículo 19, penso eu, diz isso tão lindamente, "porque aprouve a Deus." implícito está que nEle, que está em Cristo, deve habitar quanta plenitude? "Toda plenitude." Tudo está nele. Assim o apóstolo Paulo está contrariando a heresia que havia chegado em Colossos. A heresia era muito bem fundamentada em um dualismo filosófico como vimos em nossa introdução de Colossenses. O dualismo filosófico diz que a matéria é má e o espírito é bom e uma vez que Deus é Espírito Ele é bom. Mas uma vez que toda a criação é matéria, é má. Então um bom Deus não pode criar uma criação má.

Então o que aconteceu foi que Deus começou a enviar emanações ou espíritos, começaram a sair de Deus como ondulações em uma lagoa. Eles continuaram vindo e vindo e os primeiros eram bons e bons. Então se tornaram neutros, e aí ficaram ruins. Zilhões de emanações fluindo o tempo todo, e você tem algumas emanações ruins, uma das quais era ruim o suficiente para criar o mundo. Agora, Jesus era apenas um desses processos de emanações, a que era boa com certeza, mas mesmo assim um deles. Ele é igual a um anjo, e é por isso que eles adoravam essas emanações ou espíritos ou anjos.

O argumento de Paulo aqui é dizer aos colossenses que Jesus não é uma emanação de Deus. Ele não é algo abaixo da escada do caráter de Deus. Ele é Deus em carne humana. Paulo ministrou muito bem as mentes abertas. Ele os saudou inicialmente. Ele agradeceu a Deus por eles, nos versículos 3 e seguintes. Ele orou por eles para que fossem cheios com todo o conhecimento de Sua vontade e toda a sabedoria e entendimento espiritual e que andassem de maneira digna para com todos, et cetera et cetera. Ele faze todas essas observações introdutórias, e agora ele vai direito à questão principal.

Ele agradece a Deus pela salvação de que gozam nos versículos 12 a 14; a redenção, a remissão. Em seguida, ele parte daí para dizer que este nos redimiu, que nos perdoou, que nos libertou do poder das trevas; que este é o Filho amado, que possui o reino, que este é a imagem do Deus invisível. Isso é vital para sua mensagem.

Agora quando olhamos para estes versículos 15 a 19, queremos ver Jesus Cristo em relação a cinco coisas. Vamos vê-lo em relação a Deus, em relação ao universo, em relação ao mundo invisível, em relação à igreja, e em relação a qualquer coisa, apenas uma espécie de abrangência de tudo. Em primeiro lugar, Jesus em Sua relação com Deus, versículo 15. Aqui está uma grande definição de Jesus em termos de sua relação com Deus. "Este é a imagem do Deus invisível o primogênito de toda a criação.”

Agora, os hereges tinham tentado mostrar que Jesus era simplesmente uma emanação, que Ele era apenas algumas ondulação do caráter de Deus; um de uma série infinita de seres inferiores que finalmente chegou ao mal e foram capazes de criar o mundo. Mas Paulo diz "Cristo é Deus." De fato, no versículo 16 ele diz que "Ele criou todas as coisas." Ele é o único que fez isso. Os hereges foram tão longe até ao ponto de ensinar que Deus nunca poderia entrar em um corpo porque se Deus entrasse em um corpo, então o bom Deus estaria em uma matéria má. Uma boa emanação nunca poderia ter um corpo porque uma boa emanação não poderia assumir um corpo de matéria má. Então eles ensinavam que Jesus não tinha um corpo que Ele era uma boa emanação, que era um fantasma. Você se lembra, eu disse que eles disseram que onde quer que esta emanação Jesus fosse, Ele não deixava pegadas porque ele era apenas como um fantasma etéreo, com corpo semelhante a um fantasma.

Assim Paulo quer deixar claro que Jesus é Deus que Ele é Deus em carne e que Ele é o Criador do universo. Isso vai dar uma grande guinada, e acabar com toda a posição deles. Agora vamos olhar para isso. Ele diz no versículo 15 que "Ele é a imagem do Deus invisível. Ele é a imagem do Deus invisível." Para começar Deus é invisível. Em 1 Timóteo ele nos diz que Deus é invisível. Ela nos diz no Antigo Testamento que Deus é invisível, que Deus não pode ser visto. Deus não é visível ao olho humano. Deus é Espírito e "Um Espírito" disse Jesus "não tem" o quê? "Carne e ossos." Deus é invisível mas Deus se tornou visível. Deus se tornou homem, e Cristo era Deus tornado visível. Ele é a imagem do Deus invisível.

Agora, voltando lá para Gênesis 1:27 temos o uso do termo "imagem". Ele diz "Deus fez o homem à sua imagem e semelhança" mas isso não é realmente o que Paulo quer dizer aqui. É um conceito diferente. Primeira Coríntios capítulo 11 - precisamos pelo menos passar por ele - diz isso no versículo 7, "Porque, na verdade, o homem não deve cobrir a cabeça, por ser ele imagem e glória de Deus." Agora, Deus criou o homem à Sua imagem. Primeira Coríntios 11:7 diz "por ser ele imagem e glória de Deus" de novo repetindo a mesma verdade, mas o homem não é uma imagem perfeita de Deus. Você diz "De que maneira o homem é a imagem de Deus? De que maneira eu, você, os seres humanos foram feitos à imagem de Deus? Qual é o significado disso? "Bem eu acho que basicamente somos feitos à imagem de Deus em termos da capacidade de pensar, de sentir e decidir.

Nós certamente não fomos feitos à imagem moral de Deus certo? Ele é santo; nós não. Até mesmo Adão não foi criado santo. Ele foi criado inocente. Ele falhou no primeiro teste. Não fomos criados à imagem de Deus moralmente. Não fomos criados à imagem de Deus essencialmente. Isto é, em essência, porque não somos espíritos flutuando. Nós não somos capazes de mover-nos livremente através do universo. Nós não somos onipotentes, onipresentes, oniscientes ou imutáveis.

Portanto não fomos criados à imagem de Deus essencialmente. Nós não fomos criado à imagem de Deus moralmente, mas fomos criados à imagem de Deus no sentido de personalidade. Ou seja, podemos pensar, podemos sentir, e podemos tomar decisões. Nesse sentido somos a imagem de Deus. Agora com certeza é uma imagem muito desfigurada e marcada com a queda. A visão de Deus em Adão era muito mais clara. Em certo sentido, Adão estava perto o suficiente de Deus para representá-lo em um sentido moral. Adão estava perto o suficiente de Deus, em certo sentido, para representá-lo essencialmente, porque ele não podia morrer; portanto ele tinha uma qualidade eterna sobre ele. Havia uma certa imutabilidade acerca de Adão. Então essa coisa toda era, em parte, à imagem de Deus de outras maneiras, mas foi tudo perdido na queda. A única maneira que pode ser restaurado é quando uma pessoa chega ao conhecimento de Jesus Cristo.

Você vê, quando você é salvo então a imagem de Deus em você é restaurada. Há um sentido no qual, agora anote isso, você herda a imagem moral de Deus quando você está salvo, certo? Porque Deus moralmente faz você ser como quem? Como Cristo. Em certo sentido você herda a qualidade do caráter de Deus essencialmente, porque Deus faz de você um possuidor de que tipo de vida? Vida eterna. Essa é a qualidade da existência de Deus. Portanto há um sentido em que a coisa restaura em você a imagem de Deus e eu acho que talvez Efésios 4 nos ajudará.

Eu não posso ser demasiado definitivo sobre estas coisas. Estou apenas dando-lhe coisas gerais porque eu realmente não posso ser mais definido. Eu não gosto de passar as coisas em um pente fino e dizer “Isto é precisamente o que está aqui." Mas em Efésios 4:24 ele diz isso, e eu acho que isso me ajuda "e vos revistais do novo homem, criado segundo Deus". Você pegou isso? A restauração de um homem à imagem de Deus é quando ele se torna um novo homem. Então Deus, em certo sentido, é restaurado nele em verdadeira justiça e - o quê? Santidade. A imagem de Deus em seguida vem quando você se reveste do novo homem.

Você diz "Isso é o que a salvação significa?" Bem, em parte, mas também significa quando você se comporta como um novo homem. Torna-se visível. Torna-se manifesto. Em Colossenses 3:10 encontramos isto "e vos revestistes do novo homem" ou o novo "que se refaz para o pleno conhecimento" mais uma vez “segundo a imagem daquele que o criou." Agora, há a mesma verdade de novo; que a imagem de Deus é restaurada em um homem quando ele se torna um crente e permite que Deus se manifeste através dele quando ele se reveste desse novo homem. Quando ele não apenas é esse novo homem, mas quando ele usa esse novo homem. Quando ele se manifesta essa nova vida então Deus se torna visível.

Assim há um sentido em que o homem reflete a imagem de Deus. Todos os homens, eu acho, refletem a imagem de Deus em termos de ser capaz de pensar, sentir e tomar decisões. Eu acho que todos os homens, quer dizer as decisões, são baseadas em fatos e lógica, não apenas o que você chamaria de instinto animal. Mas também quando você se tornar um cristão há um sentido em que a imagem moral e a imagem essencial de Deus é restaurada em você. Mas tudo isso somado, amados, é imperfeito. O melhor que podemos fazer fica aquém.

Assim é Cristo - aqui vamos nós de volta para Colossenses 1 - que é o único realmente, verdadeiro gráfico impecável da perfeita imagem, absolutamente precisa, do Deus invisível. Amados se não fosse por Ele ser à imagem de Deus nenhum de nós jamais seria capaz de aproximar-se Dele. Veja Hebreus 1:3, e aqui novamente você tem uma declaração a respeito de Cristo quem, e "quem" se refere à palavra "Filho" no versículo 2, "O Filho" ou Seu Filho "que é o resplendor da Sua glória e a expressão exata do seu Ser.”

Agora, aqui encontramos em primeiro lugar, que o Filho, que é Cristo, é o resplendor de sua glória. Agora, o que isso significa é a expressão de Deus. Ele é aquele que vem de Deus para revelar a essência de Deus.

Em segundo lugar observe que em Hebreus 1:3 ele é "a expressão exata do seu Ser" a imagem exata, a imagem perfeita. A substância é a mesma. A palavra ali, aliás, "imagem" é usado em grego clássico para um carimbo, ou de uma ferramenta de gravação que faz um carimbo exato, uma reprodução exata. Jesus é a reprodução exata de Deus; não falta nada, nada alterado, nada mudou. Em João 1:18 diz "Ninguém jamais viu a Deus; o Deus unigênito, que está no seio do Pai, é quem o revelou." "E quando vimos o Filho" diz João, "vimos a sua glória, glória como do unigênito do Pai.”

Era óbvio que ele estava manifestando Deus. Em Filipenses 2:6 "pois ele, subsistindo em forma de Deus" Cristo com todas as características e forma de Deus tornou-se homem "a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de servo" et cetera.

Os hebreus sempre pensavam na revelação da personalidade de Deus em termos do que Deus disse. Eles não podiam ver a Deus mas invariavelmente eles podiam ouvir a Deus, não podiam? Quantas vezes no Antigo Testamento você ouve, "E a Palavra do Senhor veio a assim e assim e a Palavra do Senhor disse." Eles sempre pensavam em Deus sendo expresso em termos de fala. A manifestação de Deus era verbal. Não é de admirar quando Jesus Cristo veio ao mundo João escreveu "No princípio era o Verbo e o Verbo estava com Deus e o Verbo" o quê? "Era Deus." Porque o judeu sempre pensou em Deus como revelado em Sua Palavra.

Deus é revelado verbalmente. Não é de admirar que diz em Hebreus capítulo 1 que "Havendo Deus, outrora, falado, muitas vezes e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, nestes últimos dias" o quê? "nos falou pelo Filho." A revelação de Deus estava sempre em Sua Palavra e a Palavra é Cristo. Cristo é o pensamento e expressão idêntica de Deus. É por isso que Jesus disse em João 14:9 "Quem me vê a mim vê o Pai.” Em Mateus 17 Jesus até mesmo deixa-os ter um pequeno vislumbre do fato de que Ele era Deus. Isso deve acabar para sempre com qualquer especulação ou argumento sobre isso onde encontramos o Senhor Jesus Cristo revelando-se. Mateus 17, uma transfiguração. Verso 2, "E foi transfigurado diante deles; o seu rosto resplandecia como o sol, e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz...vindo da nuvem, uma voz que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo; a ele ouvi" Ele revelou, Ele como que o desvestiu de sua carne e disse, "Você vê Deus agora em Sua glória Shekinah.”

O Filho então é a única representação perfeita de Deus. Os homens não são. Eles são uma imagem desfigurada. Mesmo quando restaurados em Cristo eles são menos do que adequados. Só em Cristo Deus é visto em perfeição absoluta. Em 2 Coríntios 4:6 isso é bonito. "Porque Deus, que disse: Das trevas resplandecerá a luz, ele mesmo resplandeceu em nosso coração, para iluminação do conhecimento da glória de Deus." Agora como Ele fez isto? Como Deus deu ao homem a iluminação do conhecimento da glória de Deus? Aqui vem "na face” de quem? "de Cristo." Deus declarou Sua glória na face de Jesus Cristo. Aí é onde Deus se manifesta.

Agora, voltando a Colossenses 1 e olhando para essa palavra "imagem" que significa uma cópia exata, uma réplica. Cristo é a réplica perfeita imaculada de Deus. Ele não é apenas um esboço; Ele é a plenitude. Colossenses 2:9. "porquanto, nele, habita, corporalmente, toda a plenitude da Divindade" Colossenses 1:19 "porque aprouve a Deus que, nele, residisse toda a plērōma plenitude" Jesus então, amados, é a completa, final e única revelação de Deus em nada faltando. Pensar qualquer coisa menos do que isso a respeito de Jesus Cristo é uma blasfêmia contra Deus, idolatria, como vimos esta manhã.

Em Gênesis 32, penso que seja, não é? Versículo 30 "E chamou Jacó o nome daquele lugar Peniel." Verso 30 "Pois disse: vi Deus face a face." Peniel significa a "face de Deus". "vi a Deus face a face." Quem ele viu? Eu acredito que ele viu o Filho, manifestação pré-encarnada.

Somos uma imagem desfigurada inadequada. Cristo é o único adequado. Mas eu vou lhe dizer algo que é emocionante para mim pensar é 1 João 3:2, que um dia seremos semelhantes a Cristo. Isso é uma realidade impressionante, impressionante. E pensar que Deus se tornou homem-Deus, invadiu o mundo em forma humana, é um pensamento surpreendente.

Efésios 4:13 diz que o nosso objetivo como cristãos aqui e agora é "que todos cheguemos à unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, à perfeita varonilidade, à medida da estatura da plenitude” de quem? "de Cristo." Seremos como Ele. Estamos agora desfigurados. Mas seremos como Ele. Devemos esforçar-nos para ser como Ele, mesmo agora.

Assim, Cristo é Deus revelado no mundo. Se você quer saber com que Deus se parece, olhe para Cristo. Ele vai dizer-lhe como é Deus. Se Deus fosse homem, seria de esperar que Ele fosse sem pecado. Jesus era. Se Deus fosse homem seria de esperar que Ele dissesse as maiores palavras jamais ditas. Ele o fez. Se Deus fosse homem seria de esperar que Ele exercesse uma profunda influência sobre a personalidade humana como nenhum outro ser que já viveu, e Ele o fez. Se Deus fosse homem seria de esperar que Ele fizesse milagres com facilidade e Ele o fez. Se Deus fosse homem seria de esperar que Ele amasse, e Ele o fez porque Ele era Deus e Deus não pode ser conhecido exceto através de Jesus Cristo. Paulo diz que você não pode sequer chamar Jesus Senhor senão pelo Espírito Santo. Então é uma questão de revelação divina.

Além disso Colossenses 1. Não queremos atolar nesses termos. "Este é a imagem do Deus invisível." Em segundo lugar no versículo 15 "O primogênito de toda a criação." Essa frase em particular causou às pessoas um monte de problemas porque eles não entenderam o que Ele estva dizendo. O primogênito ou o "primogênito de toda a criação." Esta é uma referência, amados, à posição não ao tempo. É uma referência à posição e não ao tempo. Ele não é o primeiro a ser criado em termos de tempo.

Há duas boas razões para isso. Razão número um, Ele nunca foi criado. Ele disse "Antes que Abraão existisse" o quê? "Eu sou" em João 8:58. Apocalipse chama-O de “Aquele que era e é e que há de vir." As pessoas dizem, "Bom, Ele foi criado." Não, Ele não foi criado. As pessoas dizem "O primogênito de toda a criação? Bom, ele não foi o primeiro criado. Muitos foram criados antes Dele se você quiser olhar para Ele dessa forma." O que significa "primogênito"? Prototokos o termo grego refere-se à posição. Agora marque isso, é muito importante. Refere-se à classificação; refere-se ao direito de autoridade, à primazia; não tem a ver com a cronologia. O primogênito é o único que tem os direitos de herança. No contexto judaico, todo mundo sabia disso. Mesmo no contexto gentio todo mundo entendia isso. Eles não tinham nenhuma questão, em Colossos, sobre o que ele estava se referindo; que Cristo era Aquele honrado, o privilegiado, o prestigiado, herdeiro do Pai.

Jacó e Esaú, você se lembra? Esaú nasceu primeiro. Jacó foi o prototokos. Ele teve a bênção. Salmo 89:27 "Fá-lo-ei, por isso, meu primogênito" e então ele define isso, Deus faz "o mais elevado entre os reis da terra." O que é o primogênito? O mais elevado. Salmo 89:27, há uma definição dele. Alguém que é o mais alto, o elevado.

De volta para Hebreus 1 novamente. Ele diz "nestes últimos dias, nos falou pelo Filho." Agora escute isso "a quem constituiu herdeiro de todas as coisas." O herdeiro foi nomeado pelo Pai. Normalmente era o primogênito, mas se o primogênito foi desclassificado por algum motivo, o pai queria dá-la a outro, ele tinha o direito de fazer isso. Mas ele tinha que ser nomeado pelo pai.

Você se lembra da situação judaica, o pai tinha que conferir uma bênção sobre o primogênito? A questão não era quem tinha nascido primeiro, necessariamente, mas quem deveria ser o honrado, o filho de prestígio para herdar tudo o que o pai possuía. A herança vai para Cristo.

Em Apocalipse capítulo 5, Deus está no trono e o rolo está em Sua mão, o título de propriedade da terra selado com sete selos, como era costume na lei romana. Para selar uma vontade, tinha que ser selado sete vezes para que você não pudesse desenrolá-lo sem fazer uma distração óbvia. "Vi, também, um anjo forte, que proclamava em grande voz: Quem é digno de abrir o livro e de lhe desatar os selos?" Quem é o dono da terra? Quem é o herdeiro para dominar o mundo? Quem tem o direito de controlar a terra, tomá-la de volta, herdá-la? "Ora, nem no céu, nem sobre a terra, nem debaixo da terra, ninguém podia abrir o livro, nem mesmo olhar para ele." João diz, "e eu chorava muito, porque ninguém foi achado digno.”

Onde está o primogênito? Onde está o prototokos? Onde está o principal? Onde está o herdeiro? "Todavia, um dos anciãos me disse: Não chores; eis que o Leão da tribo de Judá, a Raiz de Davi, venceu para abrir o livro e os seus sete selos. Então, vi, no meio do trono e dos quatro seres viventes e entre os anciãos, de pé, um Cordeiro como tendo sido morto. Ele tinha sete chifres, bem como sete olhos, que são os sete Espíritos de Deus enviados por toda a terra. Veio, pois, e tomou o livro da mão direita daquele que estava sentado no trono.”

Aqui é Cristo, tomando o título de propriedade da terra como o prototokos para assumir e reinar como Rei dos reis e Senhor dos senhores. A partir do capítulo 6 até o capítulo 19 é a aquisição da terra até que ele finalmente reina no capítulo 20. O versículo 13 ecoa os sentimentos do céu. "Então, ouvi que toda criatura que há no céu e sobre a terra, debaixo da terra e sobre o mar, e tudo o que neles há, estava dizendo: Àquele que está sentado no trono e ao Cordeiro, seja o louvor, e a honra, e a glória, e o domínio pelos séculos dos séculos." Você vê, todo o universo ecoando, badalando, que este é O digno.

O fato triste é, amados, que a única coisa que Satanás quer fazer é ter certeza ninguém entenda isso, certificar-se de que ninguém realmente creia que Jesus é Deus, certificar-se de que ninguém realmente creia que Ele não é uma criatura, mas que Ele é a principal de todas as personalidades. Assim em 2 Coríntios 4:4 "Nos quais o deus deste século" Quem é esse? Satanás "cegou o entendimento dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, o qual é a imagem de Deus.”

Satanás não quer que as pessoas saibam Ele é a imagem de Deus. Satanás não quer que as pessoas saibam Ele é o único que tem o direito de governar no mundo. Satanás não quer que eles saibam, por isso suas mentes estão cegadas pela incredulidade. Esse é um bom versículo para mostrar a alguém quando lhe dizem "Cristo não é Deus." Você pode explicar-lhes porque eles acreditam nisso.

Em João 10:33, os judeus responderam. Jesus fez uma série de reivindicações, mas os judeus entenderam a mensagem. As pessoas dizem "Bom, Jesus nunca afirmou ser Deus." Ah, bobagem! Isso é leve. Jesus nunca afirmou ser Deus? Os judeus responderam em João 10:33 "Não é por obra boa que te apedrejamos, e sim por causa da blasfêmia, pois, sendo tu homem, te fazes Deus a ti mesmo." Eles entenderam a mensagem. Acredite em mim eles entenderam a mensagem. Eles sabiam exatamente o que Ele estava reivindicando. Ele tinha reivindicado autoridade divina sobre os anjos. Ele tinha reivindicado autoridade divina sobre os homens. Ele alegou, de fato, autoridade divina sobre tudo quando disse, "Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra" Mateus 28:18. Ele alegou autoridade divina através da lei sobre o sábado, sobre a tradição dos anciãos, cada pedacinho dela. Ele alegou o poder de perdoar o , o poder de erguer-se dentre os mortos, e ele provou isso.

Não, Jesus não é um sub-Deus emanando. Ele é Deus. Assim vemos Jesus em Sua relação com Deus tão poderosamente no versículo 15. Agora olhe para o versículo 16, Jesus em Sua relação com o mundo. Jesus em Sua relação com o mundo. "pois, nele, foram criadas todas as coisas, nos céus e sobre a terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, sejam soberanias, quer principados, quer potestades. Tudo foi criado por meio dele e para ele.”

Agora nós já aprendemos que Ele tem a primazia sobre toda a criação, e você sabe por quê? Porque Ele criou tudo. João 1 diz "Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e, sem ele, nada do que foi feito se fez." Olhe para isso de novo no versículo 16, "Pois, nele, foram criadas todas as coisas." Quem criou tudo? Cristo, não algum sub-Deus, ou algum demiurgo, ou algumas pequenas emanação, não um ser do mal. Mas Cristo. Ele é Deus-Criador. Ele criou para Si mesmo e ele criou para a Sua glória, como também por Si mesmo. Hebreus novamente, 1:2, "Pelo qual também fez o universo." Por Seu dia. No grego significa "através de". Por meio de Cristo, o universo foi feito. Eu vou lhe dizer, quando você pensa sobre isso, é absolutamente incrível.

Al Oliver que estava conosco em nossa pequena dedicação, de uma hora ou mais atrás, tem um pequeno bebê - não muito pequeno, um bebê grande - um pequenino bonitinho de nome Matthew. Ele estava sentado lá segurando Matthew em suas mãos e ele disse, "Noutro dia eu estava olhando para este pequenino e eu estava pensando, você pode acreditar, que o Deus do universo tornou-se um deles e pôs-se à mercê dos homens? Incrível!" Eu disse,"Isso é realmente um pensamento de peso." Você acredita que essa coisa pequena foi o Criador do universo? Olhe para o seu. Você pode acreditar nisso? Incrível! Deus se tornou homem. Deus assumiu um corpo. Deus que criou o ... – e você para de pensar.

Eu não sou nenhum cientista. Ou seja, em hipótese alguma sou um cientista. Lembro-me que tudo o que fiz foi queimar os bicos de Bunsen quando eu estudava ciências. Eu rachei os bicos. Eu não sou nenhum cientista, mas vou lhe dizer uma coisa. Eu sei o suficiente e eu li o suficiente para saber que este mundo é uma coisa muito complexa e quem quer que faça uma lista de tudo, é algo considerável.

Você parou para pensar que você poderia ter um buraco no sol. Deixe-me mostrar-lhe como é grande o sol. Você pode ter um buraco no sol e você pode colocar nele 1.200.000 terras e ainda ter espaço para acomodar 4.300.000 luas em torno dele. Isso é grande! A estrela mais próxima está a 200 bilhões de milhas de distância. A Estrela do Norte está a 400 bilhões de milhas de distância. Uma estrela em particular, o nome da qual sempre me espanta – chamada de "Betelgeuse" - essa estrela está a 880 quatrilhões de milhas. Não me pergunte o quanto isto é, 880 quatrilhões de milhas. A ciência diz que é tão grande que o seu diâmetro é maior do que a órbita da Terra. Isso é muito material.

Jesus Cristo fez tudo, e as pessoas dizem "Eu não acredito naquele milagre de transformar água em vinho." Ah, vamos lá! "Eu não acredito que Ele realmente curou aquele homem coxo." Adivinha de novo, cara. Se você quer discutir comigo sobre Seu poder criador, você vai ter que passar por mim porque eu sou uma nova criação e eu sei que Ele pode fazer. É por isso que rejeito a evolução. Evolução para mim é absolutamente fútil. Há apenas uma razão porque uma pessoa poderia acreditar na evolução. Bom, duas razões. Vou voltar nisso, duas razões. Uma, a ignorância. Quer dizer, você simplesmente não sabe, certo? Você só, você nunca ouviu a verdade. Dois, apenas uma simples incredulidade intencional. Igual eu li em um artigo escrito por um cientista, uma vez, que disse "Eu rejeito a idéia de um Deus transcendente então o que outra opção eu tenho?" Aí está você. Ele fez tudo isso. Essa é a única coisa que você poderia acreditar se você já pensou sobre isso.

Assim, Paulo está estabelecendo um super fundamento para quem Ele é. Apenas um outro pensamento no versículo 17 que eu acho que é realmente importante. "Ele é antes de todas as coisas. Nele tudo subsiste." Ele é antes de todas as coisas. Você sabe o que eu amo? Essa declaração em João 8:58 "Antes que Abraão existisse eu sou." Eu gostaria de ter estado lá. Eu teria gostado de ver a reação lá. Isso é apenas uma coisa de quebrar. Ele é antes de todas as coisas. Antes que houvesse qualquer coisa, e Ele era. Isso é necessário se você for fazer qualquer coisa. Ele disse em Apocalipse 1:17 "Eu sou o Alfa e o Ômega o princípio e o fim o primeiro e o último. Eu sou aquele que vive e estou vivo para sempre." Apocalipse capítulo 2, "Estas coisas diz o primeiro e o último que foi morto e está vivo." Grandes declarações.

A primeira, a fonte inicial. Apocalipse 22:13 "Eu sou o Alfa e o Ômega, o Primeiro e o Último, o Princípio e o Fim." O versículo 16 eu amo este "Eu sou a Raiz e a Geração de Davi". Pense nisso. Como você pode ser a raiz e a geração da mesma pessoa? Como você pode ser o pai de Davi e filho de Davi? Ele é. Ele é antes de todas as coisas. Eu amo isto. Ele diz "Nele tudo subsiste." Você vê isso lá? "Nele tudo subsiste." Hebreus 1:3 diz que "Ele sustenta" tempo presente "todas as coisas pela palavra do seu poder.”

Agora eu queria ter algumas idéias sobre isso então eu estava lendo este pequeno livro que Bob Heinmiller me deu e ele tinha algumas coisas muito interessantes nele. Eu só vou compartilhar algumas delas com você em apenas um minuto mas quando você pensa sobre a forma como a terra é sustentada, é realmente incrível. Ou seja, de fato que é incrível. Se a rotação da Terra abrandasse, teríamos alternadamente congelamento e queimação. Assim ela tem que rotacionar com a mesma velocidade constante. Se a temperatura do sol mudasse de, eu acho que é 12.000 graus Fahrenheit, a mesma coisa iria acontecer. Nossa terra é inclinada em, eu acho, em um ângulo de 23 graus. Ele nos permite ter as quatro estações. Se não fosse assim, vapores do oceano se moveriam para baixo ao longo do Norte e do Sul acumulando os continentes com gelo. Se a lua não permanecesse na distância exata que está, as marés do oceano nos afogariam. Ou seja, quem detém essa coisa toda em conjunto? Paulo diz "O Filho de Deus, o Cristo de Deus.”

Este artigo que Bob me deu foi escrito por um homem chamado Chestnut, um doutor, um físico nuclear. Ele disse algumas coisas fascinantes. Deixe-me compartilhar algumas delas com você. São realmente alucinantes. "A ciência nuclear nos diz que toda a substância no universo é construído a partir de três pequenas partículas fundamentais chamadas prótons, elétrons e nêutrons." Você estuda tudo isso na escola. Você tem um núcleo em que você tem prótons, nêutrons e pequenos elétrons que disparam em torno dde seu exterior. Você não pode ver isso; é apenas infinitesimal em tamanho, mas esses são os blocos de construção básicos de toda a matéria.

Agora, ele diz que "Uma vez que estas peças subatômicas são os menores fragmentos do universo eles devem manter os fatos secretos de design e comportamento. Se Deus é Deus então essas coisas vão apontar para Ele. Os prótons e nêutrons compõem o núcleo enquanto o elétron faz o seu caminho por for a, relativamente falando, atirando ao redor. Então nós vamos simplesmente ignorar os elétrons para o nosso pequeno pensamento e vamos concentrar-nos no núcleo de um átomo que é uma combinação de prótons e nêutrons.”

Agora, o Dr. Chestnut diz, e isso é material conhecido, "Cada próton carrega uma carga positiva de eletricidade. O nêutron não carrega qualquer carga elétrica. Cientistas evitam discutir o porquê. Francamente não sei por quê. Mas a parte estranha disso é que por décadas os cientistas tiveram uma lei inviolável que diz, ‘Como a carga de eletricidade e magnetismo repelem um ao outro.’”

O ponto é, se você tem uma pilha de pequenos prótons que disparam uma carga elétrica, por que eles não são arrancados? O que é que sustenta esse núcleo? A lei diz que os prótons não devem ser capazes de viver lado a lado no núcleo de um átomo porque as cargas se repelem. "Cientistas nucleares na década de 30 concluiram que a lei de Coulomb de repulsão mútua entre os objetos está em ação no núcleo de cada átomo tentando destruí-lo de dentro.”

Eles tinham essa lei, a lei de Coulomb, e eles disseram "Está em ação fazendo o seu melhor para quebrar esse átomo. Agora, nos tempos modernos, descobrimos como negar a força que sustenta isso e deixá-lo despedaçar." Não é fácil. Você já viu aquela coisa lá em cima em Palo Alto que vai para milhas e milhas e milhas e milhas tentando fazer isso? "Mas eles disseram isso estranhamente" e isso é algo que não consigo entender "não há uma segunda força em um núcleo que luta contra a força que divide e os mantém juntos. Eles chamam isso de "cola nuclear." Eles não têm a menor idéia do que seja. Nós sabemos.

Então aqui está um átomo. Então aqui está um átomo que existe com duas leis conflitantes presentes. Ou seja, quando o homem com todo o seu conhecimento científico desce para a coisa muito mais básica, ele vem com um problema irrespondível. Suas leis da ciência lhes dizem que o átomo vai explodir mas algo mantém a sustentação. Algo resiste ao fator de divisão. Há uma lei, a Lei de Coulomb como é chamada, tentando destruir o átomo e uma coisa primordial mantém unida.

Karl Darrow, físico com os Bell Labs, em Nova York disse que "Esses núcleos não têm o direito de estar vivos de forma alguma. Na verdade eles nunca deveriam ter sido criados; e se eles foram criados eles deveriam ter sido explodidos instantaneamente. No entanto lá estão eles." E lá estão eles? Eles são tudo. "Algumas inibições inflexíveis estão implacavelmente mantendo-os juntos." Eu gostaria de apresentá-lo a uma inibição inflexível.

George Gamow professor de física na Universidade George Washington disse o seguinte "Cada objeto é um potencial explosivo nuclear, sem ser explodido em pedaços." É incrível não é? Quem mantém isso unido? Nós sabemos quem. A ciência pode chamá-lo de "cola nuclear." Eles ainda vêm com o nome "Colossus". Não é "Colossus." É Colossenses. Eu digo que é Colossenses 1:17.

Só para se ter uma idéia, o meu pai estava falando sobre isso domingo passado à noite. Olhe para 2 Pedro 3:10. Agora você vai ficar muito feliz que Deus mantém as coisas todas juntas, não é? Segunda Pedro 3:10 "Virá, entretanto, como ladrão, o Dia do Senhor." Isso significa inesperadamente "no qual" agora veja isso "os céus passarão com estrepitoso estrondo, e os elementos se desfarão abrasados; também a terra e as obras que nela existem serão atingidas. Visto que todas essas coisas hão de ser assim" qual é a palavra? "desfeitas". Significa literalmente perder algo que estava ligado. Você sabe o que isso descreve? Isso descreve o fim da cola nuclear.

Algum dia, quando chegar o tempo de Deus, Ele vai fazer romper os átomos. O universo vai explodir na fissão nuclear. Os céus passarão com uma explosão que é chamada de "um grande estrondo" e posso imaginar que ele vai ser algo inacreditável. "E os elementos se desfarão abrasados" outro resultado desta terrível carga elétrica atravessando o universo. Tudo vai derreter. Vai ser literalmente dissolvido. Luō "perder." "soltar" é a palavra. Significa "perder aquilo que está ligado.”

A cola nuclear se foi e tudo é dissolvido e se derrete. A liberação, o afrouxamento da força obrigatória, destrói os núcleos de todos os átomos. A lei de repulsão assume. A lei de Coulomb irá destruir o universo. Quando Paulo diz "Ele sustenta todas as coisas" ou "Por Ele todas as coisas subsistem" ele nos diz quem é o que mantém tudo junto.

Volte para Colossenses 1 novamente. Eu quero mostrar-lhe Cristo em Sua relação com o mundo invisível. Vamos nos apressar, e ver isto em um minuto. Cristo e Sua relação com o mundo invisível está no versículo 16 novamente "pois, nele, foram criadas todas as coisas, nos céus e sobre a terra, as visíveis e" o quê? "as invisíveis". Aí vem os nomes dos diferentes tipos de anjos diferentes categorias. "sejam tronos, sejam soberanias, quer principados, quer potestades." Tudo foi criado por Ele. Lá você tem as classes de anjos. Não sabemos a diferença das categorias. Nós não sabemos qual a sua organização. Nós sabemos que eles têm diferentes fileiras. Alguns são chamados principados, alguns poderes, alguns autoridades, alguns domínios e alguns poderes ou tronos. Assim quaisquer que sejam, as fileiras dos anjos existem, Ele criou todos eles. Ele os fez. Ele não é uma das emanações. Ele fez todas as emanações, Paulo está dizendo.

Hebreus 1:7 é útil "Ainda, quanto aos anjos, diz: Aquele que a seus anjos faz ventos, e a seus ministros, labareda de fogo." Lá você tem a idéia de anjos sendo criados. "mas acerca do Filho: O teu trono, ó Deus, é para todo o sempre; e: Cetro de eqüidade é o cetro do seu reino." Aliás aqui você tem em Hebreus 1 - Eu não vou ter tempo para entrar nele - sete citações do Antigo Testamento demonstrando que Cristo é superior aos anjos. Os anjos são criados. Cristo é superior. Ele é o Filho. Na verdade diz em Filipenses 2, não é?, que "todo joelho se dobrará no céu e a terra e debaixo da terra." Quer sejam anjos, sejam eles quais forem, eles vão se curvar.

Em Efésios 1:21 ele diz que Cristo está “acima de todo principado, e potestade, e poder, e domínio, e de todo nome que se possa referir, não só no presente século, mas também no vindouro." Todas as coisas foram colocadas debaixo de seus pés. Isso é um símbolo de reinado. Um rei sentado em um trono elevado e todo mundo debaixo de seus pés. Todos os anjos todos os principados todos os poderes todos os domínios todos os que estavam reinando no reino angelical e que operam nesse domínio, estão sujeitos a Jesus Cristo. Ele não é um deles.

Em 1 Pedro 3 diz no verso 22 "Jesus Cristo; o qual, depois de ir para o céu, está à destra de Deus, ficando-lhe subordinados anjos, e potestades, e poderes." Então Ele não é um anjo. Ele está acima dos anjos. Vemos Jesus, então, em relação a Deus, em relação ao mundo e em relação ao mundo invisível.

Em quarto lugar, versículo 18, vemos Jesus em relação à igreja. Nós já passamos por isso muito e eu não vou gastar tempo com isso. Eu só quero indicá-lo. Versículo 18 "Ele é a cabeça do corpo, da igreja. Ele é o princípio" os prototokos novamente ou o principal dentre os mortos "para em todas as coisas ter a primazia.”

Agora quatro grandes verdades são apresentadas aqui a respeito de Cristo. Número um, Ele é a cabeça do corpo da igreja. A igreja é chamada de "corpo de Cristo". Há muitas metáforas usadas para a igreja. Somos chamados a família, um reino, um vinhedo, um rebanho, um edifício, uma noiva. Mas eu acho que a de maior singularidade, e aquela com nenhum outro equivalente do Antigo Testamento para Israel como a Igreja, é um corpo. É uma coisa orgânica. Cristo é como a cabeça e nós somos os membros, os órgãos, as partes que funcionam em resposta à dominação do cérebro. Esta é de Paulo, eu acho, a metáfora mais dominante para a igreja. Como entramos, em 1 Coríntios 12, em nossos estudos pela manhã, há poucas semanas, chegaremos a esse assunto com grande profundidade e intensidade. Então eu não vou gastar muito tempo lidando com isso hoje à noite.

Basta dizer que a igreja é um organismo. Nós estamos inseparavelmente ligados pelo Cristo vivo. Como Ele vive dentro de todos nós a mesma vida, estamos unidos a Ele e inseparavelmente, inseparavelmente um com o outro. Todos nós ministramos como um corpo. Nós temos que ministrar em conjunto com os outros. Todos nós temos uma responsabilidade a cumprir para com o outro.

Primeira Coríntios 12 apenas estabelece isso em um belo detalhe. O corpo é para ser caracterizado pela unidade. Isto é, somos todos um só corpo indo para um só lugar. Nós não somos um corpo espástico. Estamos unidos e somos obedientes ao controle da mente.

No corpo existe, por outro lado, a diversidade. Mesmo que haja uma mentalidade e uma unidade que responda à cabeça, que é Cristo, ao mesmo tempo há a diversidade de diferentes dons, de diferentes ministérios e diferentes operações.

Em terceiro lugar, há no corpo mutualidade. Ou seja o ministério comum de um membro do corpo para o outro membro. Isso é vital. Então nós somos o corpo e Cristo é a cabeça. Ele é a força divina, orientadora, dirigente, dominante. Nós não somos dependentes de anjos, Paulo diz aos Colossenses. Nós não somos dependentes de super visões. Nós não somos dependentes de algum conhecimento que não seja Cristo. Cristo é a cabeça e Ele vai governar a igreja.

Na base de seu crânio está localizada a glândula pituitária que, entre outras coisas, controla o hormônio do crescimento. Você cresce em resposta à sua cabeça. O cerebelo no cérebro é chamado de "harmonizador de ação muscular." Você se move, funciona, e é guiado pelo cérebro. Do mesmo modo, Cristo dá o crescimento e orientação para aconteça no corpo. Ele é a cabeça. Ele governa a igreja. Agimos em resposta a Ele. Ele domina. Ele não é apenas um de muitos. Ele não é apenas um anjo que nós escolhemos para adorar e temos de adicionar suplementos. Ele é a cabeça da igreja, o corpo.

Então ele diz, em segundo lugar, "Ele é o começo da igreja." O início, arche, o princípio neste sentido. O sentido de origem e de classificação. No sentido de primazia, Ele é o arche. Pode ser traduzida como "chefe" ou poderia ser traduzida como "pioneiro". A frente, o ponto mais alto, o número um e também significa "fonte." Ele é tanto a fonte da Igreja, que é seu poder originário, como o chefe ou o fundamento na igreja.

Em seguida Paulo diz que "Ele é o primogênito" prototokos dentre os mortos. Eu lhe disse o que isso significa, pessoal. De todas as pessoas que já foram ressuscitadas dentre os mortos Ele é o chefe. Ele é o único que é primogênito. Ele é o líder, o número um no ranking, o maior de todos.

Em quarto lugar, para que em tudo Ele pudesse ter a preeminência. A única coisa que lhe deu a preeminência, amado, foi o fato de que Ele ressuscitou dos mortos. Porque Ele morreu na cruz e ressuscitou dentre os mortos, o Pai o exaltou sobremaneira. Ele tem a preeminência. É lógico creio eu que aquele que é o primeiro na classificação no universo, aquele que é o ponto de referência para a história, aquele que é o agente, o objetivo, o precursor, o sustentador, o governador na esfera da criação, aquele que é a cabeça da igreja, aquele que é o começo, a fonte e o chefe, aquele que é o número um no ranking de todos aqueles que ressuscitaram, aquele que é o primeiro fruto, se quiserem, dos que dormem - que tem o direito ao título "preeminente". Você não diria? Assim, em relação a Deus, ao universo, ao mundo invisível, à igreja, vemos a Cristo.

Por último, Cristo em relação a todo o resto, versículo 19. Isso abrange tudo. "Porque aprouve a Deus que, nele, residisse toda a plenitude." Apenas no caso de nada ficar de fora, não há nada em qualquer outra pessoa, de Deus. Tudo está Nele. Apenas no caso de alguém não ter sido coberto, o poder, agora anote isto, os poderes da divindade. Ouça isto, os poderes da divindade, os atributos de soberania não foram distribuídos entre uma multidão de seres. Eles são possuídos por um manifesto neste que é Cristo. Você não precisa de outros anjos para ajudá-lo a ser salvo. Isso é o que eles estavam ensinando. Você não precisa de outros espíritos. Você não precisa de outros seres. "Nele habita toda a plenitude.”

Ele não tinha nenhum suplemento. Capítulo 2 versículo 3, "Nele estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento." Ele não tem rivais. Capítulo 2 versículo 9, "nele, habita, corporalmente, toda a plenitude da Divindade" e você é completo nEle. Não há outro necessário. O que é incrível quando você se torna um cristão - eu adoro isso. João 1:16 diz "Porque todos nós temos recebido da sua plenitude e graça sobre graça." Quando você se torna um cristão tudo o que Ele é se torna o que? Seu. Grande verdade.

John Owen bem disse "A revelação feita de Cristo e do Evangelho bendito é muito mais excelente, mais gloriosa, mais preenchida com raios de divina sabedoria e bondade do que toda a criação, e a justa compreensão disso, se possível, pode-se conter ou apreender. Sem o conhecimento deste instrumento, a mente do homem, orgulhando-se em outras invenções e descobertas, está envolta em trevas e confusão. Isto, portanto, merece o mais severo dos nossos pensamentos, o melhor de nossas meditações, a nossa maior diligência neles. Porque se a nossa futura bem-aventurança consiste em estar onde Ele está e contemplar a sua glória; qual melhor preparação pode haver para isso do que em uma contemplação anterior constante dessa glória, na revelação que é feita no evangelho até o fim, que por uma visão disso, possamos ser gradualmente transformados na mesma glória.”

Minha resposta está nas palavras de Pedro "santificai em vossos corações a Cristo como Senhor e crescei na graça e no conhecimento do Senhor Jesus Cristo.”

Pai somos gratos pelo que nos ensinaste novamente hoje à noite, como vimos Cristo. Obrigado pelo milagre maravilhoso de entrares na corrente humana. Agradeço-Te por essas pessoas preciosas por seu amor para contigo por sua fidelidade em vir e ouvir, e para ensinar, sair e viver essas verdades. Obrigado pelo que eles significam para mim, pois, como eles me incentivam e como eles esfregam em mim como pedra sobre pedra para me aperfeiçoar, como eles me forçam a ser diligente a fim de que eu possa alimentar as suas almas.

Agradeço-Te, por poder chergar-me a Ti e ser alimentado. E que assim eu possa alimentá-los. Minha maior oração esta noite foi exaltar o Filho, e eu apenas peço Pai, que isso seja feito; e que possamos sair deste lugar vendo a Jesus Cristo em toda a majestade de Sua pessoa.

Enquanto você ainda está orando, meditando e contemplando nosso bendito Cristo pode ser que haja alguma resposta em seu coração. Estou confiante de que há alguns em nosso meio, esta noite, que não conhecem a Jesus Cristo como Salvador. Você já ouviu falar sobre Ele. Certamente você já ouviu falar dele hoje à noite. Ele veio a este mundo como Deus. Ele morreu na cruz por seus pecados e os meus. Ele morreu para que você pudesse viver pagou a penalidade pelo seu pecado. Ele lhe oferece um dom gratuito. É um dom de Deus; não de obras senão nos gloriaríamos. Esse dom gratuito é a salvação e Ele diz "Se você apenas levantar a sua mão e apresentá-la diante de mim, darei a você esse presente. Eu não peço nada exceto que você se volte de seu próprio eu a mim, que você pare de tentar viver a sua vida do seu próprio jeito e suas próprias coisas; que você deixe eu assumir e governá-la e torná-la plena.”

Eu não sei sobre você, mas eu lhe digo que estou muito feliz por ter recebido a plenitude de Cristo como diz João 1:16. Eu só digo a você, se você quiser ter esse dom, por que você apenas não Lhe diz isso? Você pode até dizer, "Senhor eu só não entendo tudo sobre isto. Mas eu entendo que você morreu por mim e que proveu a salvação como um dom e eu quero tê-la.”

Você pode fazer essa oração em seu coração? Se você fizer isso você vai ter uma resposta. Ele sempre responde. Talvez você tenha algumas provações, algumas ansiedades e você como que chegou ao fim de sua corda, e você não sabe para onde se voltar. Volte-se para Jesus Cristo e você será restaurado. Você realmente não pode sucumbir. É uma coisa pessoal entre você e Deus.

Pai obrigado por esta nossa comunhão aqui hoje. Foi tão bom. Acabamos de ter um grande momento com a família esta noite. Foi enriquecedor. Agradecemos por sermos capazes de ficar a conhecer as pessoas ao nosso redor, um pouco. Obrigado por sermos capazes de cantar e expressar nosso amor para contigo e ensinar-nos como amar verdadeiramente uns aos outros porque Tu nos amastes primeiro. Acima de tudo, nós Te agradecemos por Jesus Cristo. Nunca entenderemos o mistério do porque ter-nos escolhido. Mas Te agradecemos, e peço que tragas para Ti mesmo, hoje, aqueles que o Espírito está cortejando, para Tua glória. Dá-nos uma boa semana para compartilhar as verdades que aprendemos. Em nome de Cristo.

FIM

This sermon series includes the following messages:

Please contact the publisher to obtain copies of this resource.

Publisher Information
Grace to You
Unleashing God’s Truth, One Verse at a Time
Back to Playlist
Unleashing God’s Truth, One Verse at a Time

Welcome!

Enter your email address and we will send you instructions on how to reset your password.

Back to Log In

Unleashing God’s Truth, One Verse at a Time
Minimize
View Wishlist

Cart

Cart is empty.

Donation:
Unleashing God’s Truth, One Verse at a Time
Back to Cart

Checkout as:

Not ? Log out

Log in to speed up the checkout process.

Unleashing God’s Truth, One Verse at a Time
Minimize